Confira a nova classificação da FTF, após a exclusão do Paraíso
Confira a nova classificação da FTF, após a exclusão do Paraíso

A Federação Tocantinense de Futebol (FTF) excluiu ontem o Paraíso Esporte Clube (Intercap) da sequência do Campeonato Tocantinense. Tal decisão ocorreu após ser notificado que o clube não compareceu na noite da última quarta-feira para enfrentar o Interporto, no Estádio General Sampaio, em Porto Nacional, em partida válida pela segunda rodada do returno do estadual. Conforme o Jornal do Tocantins havia adiantado na edição de ontem, que o clube seria enquadrado nos artigo 18º e 19º do regulamento geral da competição, que cita que o clube que abandonar o certame será excluído e registrará o placar de 3 x 0 para seus adversários que já o enfrentaram e para os futuros rivais assinalados na tabela. E no artigo 19º acrescenta ainda que o clube que abandonar o campeonato após seu início pegará um gancho de três anos e ainda pagará uma multa de R$ 15 mil.

BID
No início do Tocantinense, o Paraíso já havia perdido três pontos e multado em R$ 500,00 por ter atuado de forma irregular na partida de estreia na derrota para o Gurupi por 2 x 1, na abertura do Campeonato Tocantinense. Na época, a diretoria, optou em colocar o clube de forma irregular sem registar nenhum atleta no Boletim Informativo Diário (BID) da Confederação Brasileira de Futebol (CBF). A opção foi em razão naquele momento de não ser eliminado da competição, mas bastou outras oito rodadas e o Paraíso não resistiu e acabou sendo eliminado do campeonato.

Beneficiados
As equipes baneficiadas com a exclusão do Paraíso foram Tocantinópolis, Palmas e Gurupi, já que haviam perdido pontos para o Touro Forte. na terceira rodada, o TEC havia sofrido o revés diante do Paraíso (2 x 0). Depois na sequência foi o Palmas com empate (0 x 0) e, por último, o Gurupi que também empatou sem gols com o Paraíso.
A terceira rodada do returno do Tocantinense será mais uma vez intercalada, em razão da participação do Interport e do Sparta no Brasileiro da Série D. Na próxima terça-feira, o Araguaína recebe o Interporto, às 20h15, no Mirandão. E no dia seguinte, 16, o Sparta encara o Palmas, também no Miarndão, às 20h15.

Resolução da FTF (Exclusão do Intercap FC do Tocantinense 2018)
A Federação Tocantinense de Futebol, através de sua diretoria, valendo-se das prerrogativas que lhe concede o regulamento específico do Campeonato Estadual de Futebol Profissional da 1º divisão 2018;

Considerando: Que o Intercap Esporte Clube, não compareceu no campo de jogo previsto para o dia 09-05-18, as 20:15 horas, no estádio General Sampaio em Porto Nacional- TO, conforme documentos devidamente preenchidos pelos árbitros e representantes escalados para o confronto;

Considerando: O artigo-18, que diz: Caso uma ou mais associação abandone ou seja excluída, antes ou durante a competição, registra-se o placar de 3 a 0 para seus adversários que já o enfrentaram, e para os adversários que por ventura iriam enfrentar posteriormente.

Considerando: O artigo-19, que diz: No caso de abandono ou exclusão de alguma associação ANTES do início da competição, a mesma ficará impedida de participar dos eventos promovidos pela F.T.F. pelo período de 02 (dois) anos, caso a competição tenha INICIADO o período de carência será de 03 (três) anos, EM AMBOS os casos haverá também uma multa do valor de R$ 15.000,00 (quinze mil reais).

Resolve:
1) Excluir a Equipe do Intercap Esporte Clube da referida competição, determinar o registro do placar de 3×0 para seus que já o enfrentaram, e para os adversários que iriam enfrentar conforme programação na tabela da referida competição;
2) Impedir a Participação do Intercap Esporte Clube em competições oficias, pelo período de 03 anos consecutivos a partir desta data, além da multa prevista no valor de R$ 15.000,00(Quinze Mil Reais).
3) Determinar o encaminhamento da presente resolução juntamente com toda a documentação do jogo em referencia, para a Procuradoria do Tribunal de Justiça Desportiva do Futebol Tocantinense, para as providencias necessárias e o fiel cumprimento do Artigo 18 e 19 do REC, combinado com o artigo 204 do CBJD;

Palmas – TO, 10 Maio de 2018.
José Wilson Soares

www.aloesporte.com.br

DEIXE UMA RESPOSTA