Rumo ao Jalapão - Divulgação
Ciclismo em duas rodas
Jalapão
Rumo ao Jalapão – ACD Dianópolis/Divulgação

Gosta de aventura? Adrelina? Vento batendo no rosto, emoção em duas rodas, subidas e mais subidas e aquela paisagem de encher os olhos? Então, vem com a gente, porque vai começar o 2 Desafio Duro Race de MTB XCM, no cenário mais desejado do momento, o “ Portal de entrada do Parque Estadual do Jalapão”.

Estamos falando da prova mais bruta de MTB do Tocantins, com elevação de quase 2 mil metros, que vai acontecer entre 16 e 17 de junho, na Terra das Dianas. O Duro Race, é realizado em Dianópolis, no Sudeste do Estado, cidade conhecida por suas ruas íngremes, belíssimas paisagens, onde compõe as Serras Gerais, que fazem parte do Parque Estadual do Jalapão e é também conhecida como São José do Duro, devido ao antigo arraial que originou o então povoado.

O Duro Race, ganhou também essa nomenclatura devido a história de luta do povo dianopolino, nos tempos de outrora. Hoje, o Duro Race, está inserido no cenário nacional, atraindo atletas de todos os cantos do país. E pela primeira vez, traz uma das figuras mais emblemáticas e queridas do MTB brasileiro, que tem por nome Thiago Drews Elias, mas que é mais conhecido por ‘Brou Bruto’, atleta que tem acumulado enumeras vitorias no MTB e em corridas de aventura no Brasil e no mundo, levando palestras de motivação por onde compete.

Além do Brou Bruto, o evento conta com a presença dos atletas, Mário Verissimo, Campeão das Américas/Brasil Rade 2017 e Hélio Vilela, o primeiro brasileiro Campeão Mundial na categoria Master C/2011. Outra participação especial são as “Brutas”, grupo feminino de ciclistas, da Capital Federal, que representam o maior grupo feminino da categoria MTB no país.

O evento é uma realização da C2 Sports. “É uma alegria reunir em Dianópolis atletas consagrados nacionalmente e internacionalmente, dentro de um esporte que tem atraído muitos adeptos dia após dia. Realizar um evento de nível nacional como este em Dianópolis, é uma oportunidade para mostramos nosso potencial, nossa região que é rica demais em turismo”, disse, um dos organizadores do evento, André Cavalari.

Atleta e também organizador do evento, John Cavalari, fala sobre a expectativa em relação a segunda edição do Duro Race. “Estamos muito felizes com a procura pelo evento. Já estamos com mais de 200 inscritos e vamos superar as inscrições da primeira edição. A cidade está preparada para receber os atletas e também os turistas que virão, unindo o esporte ao cicloturismo da nossa região”, destacou.

Desafio

O Duro Race terá R$ 10 mil em prêmios, em 17 categorias, além de medalhas e troféus, com dois percursos, divididos em 80 e 40 quilômetros, com níveis de elevação chegando à quase 2 mil metros. “O atleta vai contemplar um dos cenários mais exóticos e lindos da natureza, com percurso montanhoso, mata preservada, com paisagens exuberantes dentro das Serras Gerais”, pontuou André Cavalari.

Ainda de acordo com André, toda prova será avaliada pelo ranking nacional e estadual de competições de MTB. Além disso, teremos um espaço especial montado com estrutura de praça de alimentação, banheiros químicos e segurança. “Pensamos em tudo para garantir que o atleta se sinta em casa”, disse.

O evento terá também a participação e exposição da Cannondale Demo Tour, que é a carreta da Cannondale, que vem ao Duro Race, demonstrar aos apaixonados por bicicletas, todos os modelos da linha 2018 da Cannondale Bike, integrando os ciclistas com o melhor da tecnologia em duas rodas.

Atletas da Bahia, Goiás, Distrito Federal e de várias cidades do Tocantins, já confirmaram presença. “O evento já é um sucesso, estamos esperando cada atleta, cada turista em nossa cidade”, disse John Cavalari.

O evento terá início no sábado, dia 16 de junho, com uma palestra motivacional, com Brou Bruto, no salão Paroquial, às 19h00, com a realização de um Congresso Técnico da Prova, onde os organizadores irão apresentar orientações quanto ao percurso da prova.

Prova

A largada está prevista para às 7h30 de domingo, dia 17 de junho, no Parque de Esportes Areão (antiga pista de Kart), de onde os atletas partem para a disputa de 80 quilômetros (percurso fechado) e 40 quilômetros (percurso reduzido).

Ainda segundo informações da organização do evento, a prova apresenta níveis intensos de dificuldades, sendo os últimos 40 quilômetros do percurso fechado, com cinco serras de tirar “sangue dos olhos” dos atletas, compreendendo as serras da: Caveira, Trafo, Doido, Caetana e Café.

As inscrições seguem até o próximo dia 14, através do endereço eletrônico www.sporttimer.com.br

DEIXE UMA RESPOSTA