Meia Maratona
Depois de 20 anos de muitas conquistas e lesões, Eliésio Miranda encerra carreira durante a Meia Maraaona do Tocantins - Foto: Idelcopoio Varanda/Divulgação
Meia Maratona
Depois de 20 anos de muitas conquistas e lesões, Eliésio Miranda encerra carreira durante a Meia Maraaona do Tocantins –
Foto: Idelcopoio Varanda/Divulgação
Atleta Leoney Gomes (E) e Alfredo Zamora, Diretor de Esportes, da Seduc – Foto: Sara Nakamura/Show de Bola/Divulgação

Tetracampeão da Meia Maratona do Tocantins, tricampeão da Maratona de Brasília, Bicampeão da Maratona de Recife, participações internacionais correndo pelo Brasil em provas nos Estados Unidos, China, Suriname, Guiana Francesa e Panamá, e centenas de títulos pelo Tocantins. Essa linda história foi escrita pelo atleta Eliésio Miranda, 43 anos, que neste sábado se despede das pistas durante a disputa da VXIII Meia Maratona do Tocantins, prova programada para acontecer às 18 horas, com largada e chegada no estacionamento do Memorial Coluna Prestes, na Praça dos Girassóis, na Capital. Serão disputadas a prova de 21 quilômetros (Meia Maratona), sete quilômetros (Corrida Popular) e revezamento e da Apae.

Segundo ele, chegou a hora de sair de cena, em razão de muitas lesões e o corpo já não responder mais a vontade de vencer. “Infelizmente chegou o dia, as lesões acabaram me atrapalhando. Mais saio feliz por ter disso um cara reconhecido no esporte tocantinense através do atletismo”, comentou o campeão agradecendo aos torcedores, familiares e a imprensa em geral pelo apoio. “Aproveito a oportunidade para agradece você Reinaldo Cisterna nestes 20 anos que me colocou na mídia do Tocantins nos momentos bons ruins da minha carreira”, finalizou.

Além de Eliésio Miranda, vencedor da Meia Maratona nos anos de 2007, 2010, 2011 e 2012, a prova terá presença de outra fera tocantinense. Trata-se de Antônio Wilson vencedor da prova nos anos de 2015 e 2017. “Estou trabalhando muito para confirmar minha vitória do ano passado”, disse o campeão que venceu os 21.097 km com o tempo de 1h06m27s. Outros nomes que deve rivalizar com Antônio Wilson pelo lugar mais alto do pódio é de Justino Pernambuco e Gustavo Barros (Goiânia), além dos tocantinenses Noel dos Reis, Nego Léo, Vagno Silva, Leoney Gomes e Athila Cavalcante. No feminino, Roselaine Benites, Elivanir Barbosa e Janete Gomes.

Premiação
Na prova geral aberta dos 21 km, os prêmios serão de: R$ 4 mil ao campeão; R$ 3 mil ao vice-campeão; R$ 1,5 mil ao terceiro colocado; R$ 900 ao quarto colocado; e R$ 800 ao 5º colocado, tanto no masculino como no feminino. Na prova geral para atletas do Tocantins, o campeão receberá R$ 700; o segundo colocado, R$ 600; o terceiro, R$ 500; o quarto colocado, R$ 400; e o quinto receberá R$ 300T

Interdição
Para garantir a segurança dos atletas algumas avenidas da cidade serão interditadas durante a corrida. A interdição começará às 18 horas e será liberada no final da prova, por volta das 21 horas. Como o percurso inclui trechos da Avenida Teotônio Segurado sentido Norte e Sul, os condutores e pedestres devem ficar atentos às vias que serão interditadas. Os cruzamentos da LO-01 até a LO-012, sentido Norte, e até a LO-27, sentido Sul da Teotônio, serão interditados parcialmente, controlados por agentes de trânsito com apoio da Polícia Militar e Exército. A organização alerta que alguns cruzamentos que dão acesso a hospitais, a exemplo da LO-05, que dá acesso ao Hospital Geral de Palmas, terão fluxos de veículos liberados, mas com controle de tráfego. O evento é uma realização da  Secretaria de Estado da Educação, Juventude e Esportes (Seduc). 

www.aloesporte.com.br

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here